9 alimentos que seu filho deve comer para evitar problemas físicos e psicológicos
Quanto antes adaptar o paladar dos pequenos para alimentos saudáveis, melhor
 
por Redação
 
Hábitos alimentares são formados na infância e a qualidade dos itens ingeridos está diretamente relacionada à saúde na vida adulta. Por isso, quanto antes adaptar o paladar dos pequenos para alimentos saudáveis, melhor. De acordo com Patrick Rocha, médico especialista em nutrição e presidente do Instituto Nacional de Estudos da Obesidade e Doenças Crônicas (INEODOC), nove ingredientes podem servir de exemplo para um cardápio equilibrado.
 
Alimentação saudável para crianças
Segundo especialista, 33,5% das crianças de 5 a 9 anos no Brasil já são obesas. O fator afeta diretamente a saúde dos pequenos, gerando, além da obesidade, problemas de circulação sanguínea, diabetes tipo 2 e colesterol. Mas os impactos não são apenas físico.
 
Com a imagem diferente do padrão, as crianças podem se sofrer com baixa autoestima, sensação negativa da imagem corporal e depressão, explica Patrick.
 
Alimentação ideal para crianças
O ideal é escolher sempre opções saudáveis, substituindo lanches industrializados e processados ricos em corantes, conservantes e açúcares por itens naturais e orgânicos. E a mudança, de acordo com o médico, não é difícil de ser oferecida às crianças, que possuem metabolismo acelerado e tendem a adaptar rapidamente o paladar. Alguns alimentos específicos podem ajudar nesse processo.
 
Ovo
Excelente fonte de proteína, o ovo também fornece vitaminas e minerais. Na hora de servir, o especialista recomenda o tipo caipira, que é mais nutritivo e saboroso. Cozido pode se tornar opção para as refeições principais ou recheio para lanches intermediários.
 
Coco
Rico em gorduras saudáveis, o alimento auxilia até no combate de doenças inflamatórias. E várias partes da fruta podem ser consumidas.
 
Água de coco
Opção para oferecer nos lanches da tarde em substituição aos refrigerantes e sucos de caixinha.
 
Polpa
Ótima para bater em forma de suco, faz picolés ou misturar com iogurtes.
 
Coco ralado
Desde que sem açúcar, serve para recheio de bolos e até acompanhamento com outras frutas.
 
Óleo de coco
Útil para temperar saladas e preparar molhos, o ingrediente é benéfico, mas deve ser usado com moderação.
 
Abacate
Rico em ômega 3, tipo de gordura que combate o colesterol, o abacate ainda é uma rica fonte de energia. Além das opções batidas – com água ou leite – ele também pode virar um acompanhamento saudável para os lanchinhos acompanhado torradas.
 
Peixe
Com proteínas e gorduras saudáveis, o alimento estimula o desenvolvimento cerebral, melhorando as taxas de crescimento e desenvolvimento. Patrick recomenda as opções naturais – que vêm do mar ou do rio, e não de criadores.
 
Iogurte natural
Rico em proteínas e nutrientes essenciais para o desenvolvimento infantil, o iogurte regula o intestino e, por isso, combate o sobrepeso e a obesidade infantil. Pode ser feito em casa e servido no café da manhã ou nos lanches, junto com cereais e frutas. Ao adoçar, utilize adoçantes naturais.
 
Hortaliças e verduras
Essencialmente fonte de fibras, elas são essenciais para o funcionamento do sistema digestivo e excretor.
 


Postado em 29/10/2015


Notre Dame
+ Notícias

atendimento
CENTRAL DE ATENDIMENTO
(13) 3579 1212
Unidade I - Av. Pres. Wilson, 278/288 - Itararé
Unidade II - Rua Pero Corrêa, 526 - Itararé
Unidade III - Cel. Pinto Novaes, 34 - Itararé