Na cidade e com alergia

 

Pesquisa mostra que criança que vive na cidade tem mais intolerância a alimentos

As crianças que nasceram e cresceram em cidades grandes têm mais chances de ter alergia a alguns alimentos do que aquelas que vivem no campo. Elas teriam até duas vezes mais intolerância a amendoim ou frutos do mar, por exemplo.

Isso ocorre porque as crianças urbanas estão mais expostas a poluentes nos primeiros anos de vida, enquanto aqueles que vivem no campo são mais resistentes por entrarem em contato com as bactérias presentes na natureza.
 
Os dados mostram que 10% daqueles nascidos em cidades grandes em todo o mundo têm alergia a algum alimento, quando o número de alérgicos no campo é de 6%. Segundo o Daily Mail, a parcela da população com alergia aumentou nos últimos 20 anos.
 
Os sintomas da alergia alimentar são coceira, vermelhidão na pele, inchaço no rosto e, em casos mais graves, obstrução das vias aéreas. Entre os alimentos que mais causam alergia nas crianças estão o leite, ovos, amendoim, nozes (como amêndoas ou castanha-do-pará), peixes e frutos do mar.
 
A pesquisa ainda mostra que as crianças urbanas ainda apresentam mais casos de asma, eczema, rinite alérgica e conjuntivite do que aquelas que vivem no interior.
 

 


Postado em 03/07/2012


Notre Dame
+ Notícias

atendimento
CENTRAL DE ATENDIMENTO
(13) 3579 1212
Unidade I - Av. Pres. Wilson, 278/288 - Itararé
Unidade II - Rua Pero Corrêa, 526 - Itararé
Unidade III - Cel. Pinto Novaes, 34 - Itararé