Primeiro lugar na Unesp dá dicas de estudo
Victória Rivas é aluna do Anglo e vai prestar medicina no final do ano
 
Cursar medicina em uma das universidades públicas paulistas é a meta da estudante Victória Rivas. Aos 20 anos, ela ganhou destaque por passar em primeiro lugar na Unesp, no curso de Engenharia Ambiental. Além disso, a redação da aluna do Anglo foi selecionada para entrar no livro das melhores da Unicamp.
 
Em terceiro ano de curso pré-vestibular, Vitoria afirma que sua rotina consiste em assistir a maioria das aulas no período da manhã e algumas período da tarde. “Depois fico estudando as matérias do dia no Anglo até às 19:30 e então vou pra casa porque moro longe”, conta a aluna residente na zona leste de São Paulo.
 
Se pudesse voltar atrás e aconselhar ela mesma no início da preparação, Victoria diria para sua versão mais jovem continuar estudando com o cronograma da Anglo. “Fazer todos os simulados e corrigir todos os erros, treinar questões dissertativas e estudar o conteúdo de uma forma geral. Mais próximo ao exame, responder provas antigas do vestibular para entender o estilo das questões”, recomenda a estudante, que ressalta ainda a importância de tentar conciliar lazer e estudos. “Não pode deixar a saúde física e a mental de lado”, completa.
 
Com a chegada do segundo semestre e a aproximação dos vestibulares que mais deseja passar, Victoria afirma sentir mais dificuldade por conta do cansaço físico e mental, mas que as amizades feitas em sala de aula ajudam “bastante” a aguentar a pressão.
 
Redação
 
Em relação a prática de redação, Victoria diz que é preciso levar o treino a sério. “O melhor jeito de treinar é escrever muito e tentar levar sempre todas as redações para o plantão de dúvidas, mesmo com elas já corrigidas, porque sempre tem alguma coisa a mais a ser dita” afirma a estudante que, para se aprimorar, procurou aumentar seu repertório estudando sociologia e filosofia.
 
No dia da prova, ela afirma que primeiro lê o tema da redação e faz as questões mais fáceis. Depois lê a coletânea, organiza as ideias e faz o rascunho. Só então volta para o resto das questões e, por último, passa a redação a limpo. “Sobre a redação da Unesp, eu já tinha escrito uma dissertação com tema parecido, mas tentei não me prender a ela para não tangenciar o assunto”, completa.
 
 


Postado em 22/08/2018


Notre Dame
+ Notícias

atendimento
CENTRAL DE ATENDIMENTO
(13) 3579 1212
Unidade I - Av. Pres. Wilson, 278/288 - Itararé
Unidade II - Rua Pero Corrêa, 526 - Itararé
Unidade III - Cel. Pinto Novaes, 34 - Itararé