Quer ser “fera” em matemática? Conheça alguns passos!
 
No universo escolar, não é de hoje que a matemática tem a má fama de ser um bicho de sete cabeças e o pesadelo de muitos estudantes. Com certeza você já deve ter escutado alguém dizer que odeia a disciplina e não vê a hora de não ter mais que lidar com os números. Em contrapartida, há quem tenha muita facilidade com os algarismos e os tratam como melhores amigos. 
 
Um exemplo disso são os alunos classificados para a Olimpíada Brasileira de Matemática de Escolas Públicas (OBMEP) que, nesta edição, foi aberta às escolas particulares também. Neste sábado (15) acontece a segunda e última fase da disputa, que soma um total de 54.496 escolas de todo o Brasil inscritas e 150 mil estudantes classificados, sendo 10 mil da Baixada Santista. 
 
O Colégio Notre Dame tem alguns estudantes classificados (confira a lista abaixo), por quem vamos torcer. Mas sabemos que, independente do resultado, eles já são vitoriosos e sairão da prova com ainda mais conhecimento do que quando começaram a competição.
 
Se você, no entanto, não tem tanta afinidade com a matéria, como esses alunos, e vive um relacionamento conturbado com os números, o ideal é parar de discutir a relação agora mesmo! A aprendizagem é um processo que acontece aos poucos. Com dedicação e esforço, o assunto se tornará mais fácil e, quem sabe, passe a ser até um dos seus favoritos. Quer saber por onde começar? Então confira as dicas que a professora de matemática do ND, Catalina Borralo, separou para você:
 
Em sala de aula:
  • Preste atenção às aulas, procure ser participativo, faça anotações dos itens mais importantes, questione, esclareça as dúvidas e faça perguntas sempre que for preciso;
  • Fique longe de problemas disciplinares, eles tiram a sua atenção e prejudicam a sua aprendizagem;
  • Procure exercitar os conteúdos, resolvendo as atividades propostas pelo material Anglo.
Em casa:
  • Tenha um objetivo em mente, aula dada, aula estudada… Em casa, reforce o que aprendeu em sala;
  • Organize um horário para as atividades de casa (lições, trabalhos, pesquisas etc). Fixe um horário criando uma rotina de estudo;
  • Participe do Plurall, mais uma ferramenta oferecida pelo sistema Anglo e que dá suporte nos momentos de estudo;
  • Afine o “instrumento”, cuide da saúde, tenha um horário para uma boa leitura e para o relacionamento social e familiar.
E mais: 
  • Participe de grupos de estudos, trocando experiências, socializando estratégias de resolução e conhecimentos;
  • Participe da OBMEP, a olimpíada promove a matemática e as aplicações nas diversas áreas do conhecimento, bem como as utilidades no cotidiano, estimulando e valorizando na pessoa o estudo da disciplina.
Mais uma vez, os parabéns aos alunos classificados do Colégio Notre Dame:
 
Nível I 
Sophia Villanova Ramalho de Brito Barbosa 6º M1
Tainá Moura dos Santos 7º M1
 
Nível II
Heloisa Oliveira Fernandes da Silva 8º M1
Gabriel Marcos da Silva 9º M1
 
Nível III
Erik Medziukevicius Leite 1ª M1
Gabriel de Nobrega 2ª M1
Giovana Creado dos Santos 2ª M1
Pedro Paulo Fonseca de Queirós 2ª M1
Isabella Helena Vieira Ribeiro 3ª M1
Carlos Henrique da Cruz Silva 3ª M1
 
 
Fonte: Assessoria de Imprensa – Colégio Notre Dame
Conteúdo Empresarial – Comunicação Integrada 
11 - 3230-7434 / 13 – 3304.7437 - 3304.7438 


Postado em 13/09/2018


Notre Dame
+ Notícias

atendimento
CENTRAL DE ATENDIMENTO
(13) 3579 1212
Unidade I - Av. Pres. Wilson, 278/288 - Itararé
Unidade II - Rua Pero Corrêa, 526 - Itararé
Unidade III - Cel. Pinto Novaes, 34 - Itararé