Notre Dame participa de Treinamento de Líderes Comunitários
Colégio é o único da região a participar de evento, que tem como objetivo promover a prevenção do consumo de drogas e álcool por menores de idade
 
O Colégio Notre Dame participou, em agosto, do “2º Treinamento de Líderes Comunitários (Training of Leaders - TOL)”, promovido pela Associação Pró Coalizões Comunitárias Antidrogas do Brasil, em parceria com a ONG Community Anti-Drug Coalitions of America. A Organização, que tem sede nos Estados Unidos, há 11 anos direciona recursos para treinamento de líderes que trabalhem na prevenção do consumo de drogas e álcool por crianças e adolescentes.
 
“A gente recebeu o convite da Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de São Vicente com muita alegria, principalmente por ser um tema diretamente ligado à saúde do jovem. Vemos um consumo exacerbado das substâncias lícitas e ilícitas e queremos, de alguma forma, ajudar a mudar este cenário. Adquirimos uma bagagem rica de conhecimento sobre como trabalhar esse tema com os adolescentes e de que forma podemos contribuir para que mais jovens se mantenham longe das drogas”, explica Camila Micheletti, Diretora de Comunicação do Colégio Notre Dame.
 
Destinado a profissionais de Peruíbe, São Vicente, Cubatão, Guaratinguetá, Porto Feliz e Resende, o trabalho tem como meta formar novos agentes, multiplicadores nas comunidades, para formação de coalizões. Santos foi escolhida como sede do evento por ser uma das pioneiras na implementação do programa, em 2014, contando hoje com mais de 140 agentes multiplicadores recrutados.
 
“O trabalho tem como objetivo a saúde e a proteção das crianças e adolescentes, principalmente pela vulnerabilidade e fácil acesso a drogas. Sabemos que, no Brasil, o acesso às drogas lícitas, como o álcool, é altíssimo. Embora seja permitido para adultos, para menores de idade é ilegal”, comenta Eliane Marcondes, voluntária da Coalizão de Pindamonhangaba há 11 anos.
 
A voluntária explica que as coalizões se constroem com 12 setores da comunidade – como representantes de agências do governo, da saúde, moradores da comunidade, escolas, entre outros. Todo o trabalho é feito com base em dados diagnósticos coletados na própria cidade e a intenção primária da coalizão é coletar dados diagnósticos sobre onde as drogas são obtidas e consumidas, para assim dar início à mobilização.
 
“O papel da escola é muito importante para trabalhar a prevenção. É preciso que o adolescente seja protagonista nesse trabalho de agente multiplicador de informação. Nós não queremos simplesmente fazer palestras. Nós precisamos da energia e da voz do jovem para transmitir a palavra da prevenção e, para isso, as escolas precisam estar presentes na coalizão”, finaliza Eliane.
 
Camila concorda que o trabalho de prevenção é essencial e deve ser iniciado o quanto antes: “Precisamos alcançar as crianças e adolescentes antes que eles iniciem o consumo. Em parceria com as famílias e com as outras instituições, nós educadores temos o dever e a possibilidade de trabalhar para garantir que as crianças cresçam em um ambiente mais saudável e seguro”, finaliza. 
 
Assessoria de Imprensa – Colégio Notre Dame
Conteúdo Empresarial – Comunicação Integrada
11 - 3230-7434 / 13 – 3304.7437 - 3304.7438
 


Postado em 21/08/2019


Notre Dame
+ Notícias

atendimento
CENTRAL DE ATENDIMENTO
(13) 3579 1212
Unidade I - Av. Pres. Wilson, 278/288 - Itararé
Unidade II - Rua Pero Corrêa, 526 - Itararé
Unidade III - Cel. Pinto Novaes, 34 - Itararé
Facebook Youtube Instagram