8 técnicas de estudo para aumentar suas notas

Estratégias de estudo podem ajudá-lo a evitar notas ruins e a desenvolver os melhores hábitos para que você possa aprender de verdade. Confira as dicas

Não adianta estudar muito e depois largar todo o material. Você deve revisar os conteúdos de forma regular
 
Estudar não é uma tarefa simples. Separar livros e sentar-se para lê-los não basta. É necessário planejamento, organização e determinação. Sem esses e outros elementos, os esforços serão em vão e a frustração levará a um ciclo vicioso de notas ruins e aprendizado deficiente. Estratégias e técnicas de estudo podem ajudá-lo a evitar essa situação e a desenvolver os melhores hábitos para que você possa aprender de verdade e consequentemente, aumentar suas notas.
 
1. Estabelecer metas e planejar
 
Estabeleça suas metas e objetivos para o semestre e a partir deles desenvolva um plano para alcançar cada um. Esses alvos podem estar relacionados aos seus estudos e a outras áreas como de crescimento pessoal, relacionamentos ou saúde.
 
2. Controle seu ambiente de estudos
 
É essencial que você encontre um local de estudos que esteja livre de distrações. Estude apenas nesse lugar e não faça nada nele além de se dedicar academicamente. Organiza-se de maneira que você estude regularmente, separando um horário específico para cada dia.
 
3. Administre seu tempo efetivamente
 
Faça um cronograma de suas atividades e permaneça fiel a ele. Uma lista de tarefa diária irá ajudá-lo a estabelecer a ordem de prioridade de cada atividade. Você pode organizá-la da seguinte maneira: itens marcados com "A" são as tarefas mais importantes, que ajudarão você a atingir suas metas. Inclua nessa categoria trabalhos que possuam prazos de entrega imediato. A prioridade nível "B" é designada para fatores de médio valor. A última prioridade pertence à categoria "C", indicada para itens de valor baixo, que podem ser adiados ou cancelados. Lembre-se que o nível de prioridade pode mudar de acordo com as circunstâncias.
 
4. Mude sua mentalidade
 
Sua mente deve ser a principal fonte de motivação. Use pensamentos racionais e bem fundamentos para que forneçam ideias úteis. Ao invés de pensar "não há tempo para estudar e se divertir" mude para: "há tempo suficiente para estudar e se divertir se eu usar meu tempo de maneira eficiente". Elimine pensamentos que podem levá-lo a procrastinação, ou seja, a adiar tarefas e evitar responsabilidades, e desenvolva uma atitude positiva em relação aos seus deveres acadêmicos, enxergando a escola como aliada em sua busca por objetivos. Identifique pontos de seu interesse e aplicação prática em cada matéria.
 
5. Use cartões de perguntas e respostas
 
Faça pequenos cartões para revisão. Você pode escrever a pergunta em um lado e a resposta do outro. Leve-os com você e use quando tiver oportunidade, como no trajeto de volta para casa ou enquanto estiver caminhando.
 
6. Faça pequenas sessões de estudo
 
Especialmente para matérias como ciências e matemática, em que a memorização é uma parte crucial, é recomendável que você divida os períodos de estudo em sessões menores, de forma que possam se empenhar além do esperado no material oferecido, mas sem se cansar com facilidade.
 
7. A importância da revisão
 
Não adianta estudar muito e depois largar todo o material. Você deve revisar os conteúdos de forma regular. Veja suas anotações diariamente, ou separe um período semanal em que revise todo o conteúdo do curso.
 
8. Estude desde o começo
 
Comece a estudar no primeiro dia de aula do semestre e mantenha esse ritmo. Se você separa o primeiro mês de aula para se organizar, o resultado será o atraso e procrastinação. A melhor maneira de evitar o ciclo vicioso das notas ruins é prevenir os problemas antes que possam ocorrer.
 


Postado em 12/09/2012


Notre Dame
+ Notícias

atendimento
CENTRAL DE ATENDIMENTO
(13) 3579 1212
Unidade I - Av. Pres. Wilson, 278/288 - Itararé
Unidade II - Rua Pero Corrêa, 526 - Itararé
Unidade III - Cel. Pinto Novaes, 34 - Itararé