Por que seu filho deve frequentar regularmente uma biblioteca?
Educar é valorizar o hábito da leitura, o interesse por várias linguagens associadas ao livro –
e, por tabela, o espaço onde tudo isso acontece
 
por Marion Frank 
 
Ir à biblioteca é uma maneira barata de incentivar à leitura
 
"No dia em que todas as cidades do Brasil tiverem a sua biblioteca infantil, o Brasil estará a salvo de todos os males, porque todos os males do Brasil tem uma causa única: a ignorância dos adultos justamente porque não lhes foi despertado o amor pela leitura, quando eram crianças". 
 
A frase? De Monteiro Lobato, mestre de escrever histórias para o público infantil (e outros mais). Ela realça, com rara sensibilidade, o papel da biblioteca na formação de todos nós. Pena que as palavras de Lobato não tenham (ainda) modificado os hábitos da nossa sociedade: apenas um em quatro brasileiros frequenta com regularidade uma biblioteca, seja ela infantil, seja juvenil ou seja adulta, segundo a mais recente edição da "Pesquisa Retratos de Leitura do Brasil", do Instituto Pró-Livro, divulgada em 2012.
 
"Esse número está até ‘bonito’, porque inclui a frequência do Ensino Fundamental, quando os alunos fatalmente vão pesquisar na biblioteca escolar - e não por iniciativa própria", indica Ivani C. Nacked, diretora do Instituto Brasil Leitor (IBL). Por que esse pouco caso acontece? "Em muitas das nossas escolas, a biblioteca se resume a uma sala com livros, muito pouco aparelhada para atrair o interesse da criança e do jovem", revela Ivani. Situação que a lei da obrigatoriedade da biblioteca nas instituições de ensino do País (a de no 12.244) pretende mudar nos próximos dez anos.
 
Acontece que a criança (e o jovem) só vão se sentir à vontade em uma biblioteca, se ela se tornar de fato um ambiente "holístico, prazeroso, onde é possível ter a leitura não apenas do livro, mas também de outras linguagens, da fotografia à música, ao teatro e ao cinema, manifestações artísticas que o livro permeia...", ressalta Ivani. Uma revolução, que não atinge só as escolas, nem será colocada em marcha apenas por imposição de lei. "É preciso primeiro educar a população sobre a importância de ler, uma campanha de conscientização de toda sociedade", defende Ivani Nacked. Prioridade que pode gerar uma nova postura no dia a dia entre os envolvidos, dos pais aos professores e profissionais de biblioteconomia - conheça em detalhe o ideário da nossa especialista.
 
A criança que frequenta regularmente a biblioteca tem rendimento melhor em sala de aula - e em todas as disciplinas. Uma biblioteca com acervo diversificado e afinado com os interesses da sua clientela estimula a desenvolver o hábito de leitura, de efeitos comprovados no dia a dia escolar: crianças e jovens que já incorporaram esse espaço no seu cotidiano tiram notas melhores que os colegas que não se comportam da mesma maneira. E não só em Literatura Portuguesa, em geral, a disciplina de maior número de livros à disposição na biblioteca escolar.
 


Postado em 23/07/2013


Notre Dame
+ Notícias

atendimento
CENTRAL DE ATENDIMENTO
(13) 3579 1212
Unidade I - Av. Pres. Wilson, 278/288 - Itararé
Unidade II - Rua Pero Corrêa, 526 - Itararé
Unidade III - Cel. Pinto Novaes, 34 - Itararé