Alunos do Ensino Médio realizam trabalho inédito na disciplina de Geografia
Proposta foi analisar o papel do Brasil no sistema internacional 
 
por Jenifer Sabatini
 
Um dos temas iniciais de Geografia, trabalhado com a terceira série do Ensino Médio, é “O Brasil no sistema internacional”. Muitas discussões surgem com este tema, que trata as relações socioeconômicas e políticas do Brasil com o mundo. Para dinamizar estas discussões inseriu-se em algumas aulas a investigação com material de apoio Revista Veja e uma forma de arte foi incluída, a produção de quadrinhos.
 
Os estudantes pesquisaram alguns exemplares para encontrar artigos relacionados ao assunto e escolheram os que achavam mais interessantes. Em discussão, alguns disseram não concordar com as reportagens, sendo que já viram outras que apontavam o mesmo tema para outras direções. A estudante Fernanda Chaves disse que apesar de entender a revista como polêmica e sensacionalista, a entrevista que o grupo escolheu foi bastante clara e detalhista, o que foi bastante proveitoso para entendimento do grupo.
 

Alguns relataram que a experiência auxiliou como complemento das aulas, pois conseguiram visualizar este tema em muitas reportagens inseridas na revista. O aluno Felipe Leite disse que a quantidade de matérias ajudou a ter conhecimento maior do assunto, disse ainda que lê a revista com frequência, mas nunca havia reparado que este tema é encontrado com facilidade e acrescentou “Esta experiência me deixará mais atento a estes e outros temas políticos nesse tipo de revista”.

 

Os estudantes acharam interessante como um mesmo tema é tratado em vários exemplares semanais, isto é, perceberam a continuidade das matérias, como por exemplo, a vinda do Papa Francisco ao Brasil que foi assunto durante muito tempo. O aluno Vitor Santana Soares Rodrigues disse que foi bastante fácil tratar o tema por meio do gênero textual de quadrinhos. A aluna Gabriella Queiroz gostou da discussão entre os integrantes do seu grupo, pois disse que várias ideias surgiram sobre um mesmo tema. Já a aluna Ana Carolina Oliveira sentiu falta de mais matérias sobre a comercialização do Brasil com mundo, disse que os temas tratados eram mais sobre transações políticas nacionais.

 
Os alunos, em geral, perceberam que existem informações em outros meios sobre o que é discutido em sala de aula, e que o fato de terem acesso a esses subsídios facilitam os debates. Durante o processo houve a participação constante de todos, na leitura dos artigos, na criação dos quadrinhos e nas discussões que surgiram sobre o tema central, sendo que o conjunto das ações sobre o mesmo tema resultou em aptidões diferenciadas representadas em um único trabalho, em que a contextualização que desempenharam foi genial.
 
Muitas vezes nos adaptamos aos elementos convencionais do conhecimento e esquecemos que há outras formas de inserção ao estudo e que os estudantes possuem capacidades diferenciadas que se tornam evidentes quando trabalhamos múltiplas composições de aprendizagem. 
 
Jenifer Sabatini é professora de Geografia do Ensino Médio no Colégio Notre Dame. 
 
 


Postado em 25/02/2014


Notre Dame
+ Notícias

atendimento
CENTRAL DE ATENDIMENTO
(13) 3579 1212
Unidade I - Av. Pres. Wilson, 278/288 - Itararé
Unidade II - Rua Pero Corrêa, 526 - Itararé
Unidade III - Cel. Pinto Novaes, 34 - Itararé