Governo oferece bolsas para intercâmbio de estudantes de Humanas
Edital contempla as propostas de viagens previstas para ocorrer entre novembro de 2014 e março de 2015
 
da Redação 
 
Uma parceria entre o Ministério da Cultura e os Ministérios da Educação e das Relações Exteriores vai oferecer bolsas de estudo no exterior e patrocinar a participação em eventos culturais organizados fora do país a cerca de 400 profissionais de áreas que não são atendidas pelo programa Ciência Sem Fronteiras.
 
As áreas contempladas são: música, artes cênicas, circo, artes visuais, cinema, animação, games, programação de softwares e aplicativos móveis, literatura, TV, rádio, mercado editorial, moda, design, arquitetura, publicidade, gastronomia, gestão cultural, indústria de espetáculos, produção de eventos culturais, produção audiovisual, operação de equipamentos audiovisuais, roteiro, sonoplastia, figurino, cenotecnia, iluminação, luthieria, edição gráfica e visual, restauração, artesanato, cultura popular e patrimônio, museu e memória e turismo cultural. 
 
As inscrições serão realizadas exclusivamente por meio do sistema SALICWEB, disponível no site do Ministério da Cultura (MinC). Não é necessário ter diploma para concorrer à vaga, mas será exigida experiência prévia na área escolhida. Além disso, para se habilitar a uma bolsa de estudo, o interessado deve entrar em contato com uma das universidades credenciadas (veja quais são no quadro abaixo) e ser pré-aprovado por ela. 
 
O programa, chamado Conexão Cultura Brasil, teve suas regras divulgadas no dia 31 de julho em um edital público. A meta é ampliar a presença de artistas e empreendedores brasileiros no mundo em atividades de formação (cursos e estágios), em instituições culturais renomadas internacionalmente e eventos de cultura e negócios.
Bônus 
 
De acordo com o edital, "a fim de minimizar desigualdades e promover a descentralização das ações culturais, os candidatos receberão bonificação em sua pontuação de acordo com o seu estado de origem, com base no histórico da demanda apresentada ao Programa em anos anteriores". Candidaturas originárias do Acre, Alagoas, Amapá, Amazonas, Espírito Santo, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Sergipe e Tocantins receberão 2,5 pontos. As que são do Ceará, Goiás e Pernambuco recebem 2. As do Distrito Federal, Paraná e Santa Catarina recebem 1,5; as da Bahia, Minas Gerais, Rio Grande do Sul recebem 1 ponto e do Rio de Janeiro e São Paulo recebem 0,5 ponto.
 
Perguntas e respostas sobre o programa Conexão Cultura Brasil
 
Quais são os campos atendidos pelo programa? 
Patrimônio cultural (material, imaterial, arquivos e museus), expressões culturais (artesanato, culturas populares, indígenas e afro-brasileiras, artes visuais e digitais), artes do espetáculo (dança, música, circo, teatro), do audiovisual (cinema e vídeo), livro, leitura e literatura (publicações e mídias impressas) e criações culturais e funcionais (moda, design, arquitetura, gastronomia, games, novas mídias).
 
Posso me inscrever para realizar que tipo de atividade? 
Para cursos ou atividades de capacitação e formação nas áreas artística, cultural e da gestão cultural; para fazer residência artística; para apresentar trabalho próprio em festivais, eventos culturais e premiações e homenagens ao seu trabalho; para participar de rodadas de negócios, encontros setoriais e atividades de geração de negócios no âmbito da cultura e economia criativa.
 
Onde poderei estudar ou estagiar? 
Segundo o MinC, as instituições que já manifestaram interesse em receber os brasileiros são: o Instituto Europeu de Design (Itália e Espanha), Federculture da Itália, Universidade de Bolonha (Itália), British Council (Reino Unido), Royal Shakespeare Company (Reino Unido), Barbican Centre (Reino Unido), SouthBank Centre (Reino Unido), The Global Centre (Reino Unido), BBC Scottish Symponhy (Reino Unido), Science Museum (Reino Unido) e o Festival de Edimburgo (Escócia). 
 
Qual o período e duração das viagens? 
Elas devem ocorrer entre novembro de 2014 e março de 2015 - é importante lembrar que os prazos para as solicitações são diferentes de acordo com as data da viagem. Os interessados em cursos que começarem em dezembro devem se inscrever até o dia 1º de outubro. Para cursos de janeiro a março, as inscrições vão até 7 de novembro. As viagens podem ter duração de até 12 meses, mas o edital só cobre os custos de uma viagem de até 90 dias. Os meses restantes, se for o caso, deverão ser custeados pela pessoa.
 
O que os selecionados devem dar em troca? 
Quem receber o benefício deverá oferecer uma contrapartida quando voltar ao Brasil para disseminar o que aprendeu no exterior. Poderá ser uma oficina, palestra, seminário, apresentação, curso ou outras atividades, com exceção de conteúdos virtuais, como blogs e sites. O custo dessa contrapartida deverá corresponder a no mínimo 20% do valor do benefício recebido.
 
Leia mais informações aqui.
 
Mais informações: 
 
 
 
 


Postado em 11/08/2014


Notre Dame
+ Notícias

atendimento
CENTRAL DE ATENDIMENTO
(13) 3579 1212
Unidade I - Av. Pres. Wilson, 278/288 - Itararé
Unidade II - Rua Pero Corrêa, 526 - Itararé
Unidade III - Cel. Pinto Novaes, 34 - Itararé